SOBRE – Dez por Dez é a versão brasileira do projeto “Ten by Ten” criado e executado por Neil Labute, dramaturgo, roteirista e cineasta norte americano. Projeto que reúne dez monólogos com duração de dez minutos, com personagens que representam um retrato da sociedade atual. Os personagens são homens e mulheres aos 20, 30, 40, 50 e 60 anos, que contam histórias relacionadas às suas vivências. A dupla criativa que assinará a adaptação para o Brasil é formada pelos irmãos Guilherme Leme, ator, diretor de inúmeras peças e espetáculos musicais e Gustavo Leme, cineasta e um dos principais diretores de filmes publicitários do Brasil.

ESTREIA – 20 de maio de 2021.

HORÁRIOS – Às quintas-feiras, sempre às 21h. A cada semana, duas histórias com dez minutos de duração, cada. As últimas histórias serão apresentadas no dia 17 de junho de 2021. As dez histórias poderão ser vistas no site do Teatro Unimed até o dia 11 de julho de 2021.

CLASSIFICAÇÃO – Cada história conta com sua classificação indicativa na sinopse.

INGRESSOS – Espetáculo exibido gratuitamente no site do Teatro Unimed.

DURAÇÃO – 10 minutos.

#9 – MULHER DE 20 ANOS
Luisa Arraes – menina traída pelo namorado passa a ter várias relações afetivas sem sentido, como forma de vingança.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#1 - Mulher de 60 anos

Angela Vieira - mulher conta sobre um momento do seu passado, em que viveu uma relação que se resumiu a único beijo e a marcou para o resto da sua vida.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#2 - Homem de 20 anos

Johnny Massaro - garoto profundamente incomodado com a iminência da calvície vai revelando aos poucos um profundo amor por sua mãe, acreditando ser ela a única mulher que o aceitará careca.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#3 - Mulher de 50 anos

Denise Fraga - mulher relata uma sequência de eventos trágicos em sua vida e revela, explicitamente, o desejo pelo suicídio. No final, ela provoca o espectador, pedindo sua ajuda para fazê-la desistir desse desejo.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#4 - Homem de 30 anos

Ícaro Silva - homem conta sobre uma viagem de avião, em que fica incomodado com sua vizinha de poltrona. Quando dorme durante o voo, sonha que eles vivem uma relação amorosa conflituosa e bizarra.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#5 - Mulher de 40 anos

Pathy Dejesus - mulher conta sobre seu casamento, em que era frequentemente espancada e abusada emocionalmente por seu marido. Ela foge de casa e acaba se relacionando com outra mulher, encontrando, assim, um novo casamento e, ao mesmo tempo, um esconderijo.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#6 - Homem de 40 anos

Bruno Mazzeo - homem conta como o futebol faz parte fundamental de sua vida. Ele tem um filho que joga no time da escola e, acompanhando um de seus jogos, ele se envolve em uma séria briga com outro pai. Aos poucos, entendemos que ele já está morto enquanto relata a história. Bela reflexão sobre a violência nos esportes.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#7 - Mulher de 30 anos

Chandelly Braz - jovem fala sobre um acidente de trânsito em que uma amiga morreu enviando uma mensagem para o namorado. Aos poucos, revela que eles viviam um triângulo amoroso na época do acidente.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#8 - Homem de 50 anos

Eucir de Souza - homem discorre sobre o orgulho de estar casado há 30 anos. Ele não se conforma com casais que se separam e famílias não-tradicionais. Aos poucos, revela-se um homofóbico radical.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#9 - MULHER DE 20 ANOS

Luisa Arraes - menina traída pelo namorado passa a ter várias relações afetivas sem sentido, como forma de vingança.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#10 - HOMEM DE 60 ANOS

Leopoldo Pacheco - homem expõe seu incômodo e resistência a mudanças de hábitos e costumes na sociedade. Aos poucos, vai se revelando um racista conservador e intolerante com imigrantes.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#1 - Mulher de 60 anos

Angela Vieira - mulher conta sobre um momento do seu passado, em que viveu uma relação que se resumiu a único beijo e a marcou para o resto da sua vida.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#2 - Homem de 20 anos

Johnny Massaro - garoto profundamente incomodado com a iminência da calvície vai revelando aos poucos um profundo amor por sua mãe, acreditando ser ela a única mulher que o aceitará careca.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#3 - Mulher de 50 anos

Denise Fraga - mulher relata uma sequência de eventos trágicos em sua vida e revela, explicitamente, o desejo pelo suicídio. No final, ela provoca o espectador, pedindo sua ajuda para fazê-la desistir desse desejo.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#4 - Homem de 30 anos

Ícaro Silva - homem conta sobre uma viagem de avião, em que fica incomodado com sua vizinha de poltrona. Quando dorme durante o voo, sonha que eles vivem uma relação amorosa conflituosa e bizarra.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#5 - Mulher de 40 anos

Pathy Dejesus - mulher conta sobre seu casamento, em que era frequentemente espancada e abusada emocionalmente por seu marido. Ela foge de casa e acaba se relacionando com outra mulher, encontrando, assim, um novo casamento e, ao mesmo tempo, um esconderijo.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#6 - Homem de 40 anos

Bruno Mazzeo - homem conta como o futebol faz parte fundamental de sua vida. Ele tem um filho que joga no time da escola e, acompanhando um de seus jogos, ele se envolve em uma séria briga com outro pai. Aos poucos, entendemos que ele já está morto enquanto relata a história. Bela reflexão sobre a violência nos esportes.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#7 - Mulher de 30 anos

Chandelly Braz - jovem fala sobre um acidente de trânsito em que uma amiga morreu enviando uma mensagem para o namorado. Aos poucos, revela que eles viviam um triângulo amoroso na época do acidente.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#8 - Homem de 50 anos

Eucir de Souza - homem discorre sobre o orgulho de estar casado há 30 anos. Ele não se conforma com casais que se separam e famílias não-tradicionais. Aos poucos, revela-se um homofóbico radical.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#9 - Mulher de 20 anos

Luisa Arraes - menina traída pelo namorado passa a ter várias relações afetivas sem sentido, como forma de vingança.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

#10 - Homem de 60 anos

Leopoldo Pacheco - homem expõe seu incômodo e resistência a mudanças de hábitos e costumes na sociedade. Aos poucos, vai se revelando um racista conservador e intolerante com imigrantes.

Classificação indicativa: Não recomendada para menores de 12 anos.

ELENCO

mulher de 60 anos – ANGELA VIERA
homem de 60 anos – LEOPOLDO PACHECO

mulher de 50 anos – DENISE FRAGA
homem de 50 anos – EUCIR DE SOUZA

mulher de 40 anos – PATHY DEJESUS
homem de 40 anos – BRUNO MAZZEO

mulher de 30 anos – CHANDELLY BRAZ
homem de 30 anos – ÍCARO SILVA

mulher de 20 anos – LUISA ARRAES
homem de 20 anos – JOHNNY MASSARO

FICHA TÉCNICA

autor – NEIL LABUTE
direção – IRMÃOS LEME
adaptação – GUILHERME LEME GARCIA, GUSTAVO LEME E ELENCO 
tradução – TONIA SCHUBERT
fotografia – FELIPE HERMINI
direção de arte – THAIS JUNQUEIRA
assistente de câmera – RAFAEL FARINAS
som direto – PABLO ARANDA
logger – RODRIGO BELATI
graffers – SERGIO BRONZO e BRONZINHO
visagismo – CRIS MALTA
identidade visual – TOMMY KENNY
masterização & sound design – ZEMA
finalizador – DIEGO NASCIMENTO
pós-produção – QUANTA POST
assistente de direção e produção – GIOVANNA PARRA
direção de produção – CLARICE PHILIGRET
idealização – GUSTAVO LEME
realização – DUETO PRODUÇÕES

DIREÇÃO

GUSTAVO LEME – Cineasta, formado pela UCLA (University of California Los Angeles), é um dos principais diretores de comerciais do Brasil, colecionando prêmios em diversos festivais pelo mundo. Já dirigiu mais de 700 comerciais para marcas como Volkswagen, Vivo, Tim, Itaú, Skol, entre muitas outras.

Junto com seu irmão Guilherme Leme, formam a dupla “Irmãos Leme”, voltada à direção e desenvolvimento de projetos audiovisuais de entretenimento. É diretor e sócio da Delicatessen Filmes, produtora de comerciais e entretenimento, que atua no mercado brasileiro há 14 anos.

DIREÇÃO

GUILHERME LEME – Em quarenta anos de carreira artística, realizou como ator, diretor e produtor mais de 50 espetáculos teatrais, muitos deles premiados.

Na televisão atuou em mais de 20 séries, novelas e longametragens nacionais. Realizou também por muitos anos, trabalhos e pesquisas na área das artes visuais. Seus recentes musicais “Romeu e Julieta ao som de Marisa Monte” e “Merlin e Arthur ao som de Raul Seixas”, vêm sendo aclamados pela crítica e pelo público e recebendo diversos prêmios.

Junto de seu irmão Gustavo, forma a dupla “Irmãos Leme”, com foco em desenvolvimento de entretenimento audiovisual.

AJUDE O FUNDO MARLENE COLÉ DE APOIO A TÉCNICOS E ARTISTAS DAS ARTES CÊNICAS

Paralelamente à exibição gratuita dos monólogos, o público é convidado a colaborar, através de doações ao Fundo Marlene Colé, em prol dos trabalhadores do teatro em situação de insegurança alimentar devido aos efeitos da pandemia.

Política de Privacidade

cadastro prévio – O site do Teatro Unimed não exige prévia inscrição ou registro de dados como nome, e-mail, idade, entre outros, para acesso aos conteúdos disponibilizados.
utilização do site – Todos os conteúdos disponibilizados no site do Teatro Unimed ou são de titularidade do Teatro, ou estão expressamente autorizados a serem divulgados. Qualquer reprodução ou exploração de tais conteúdos, sem prévia e expressa autorização de seus titulares, será entendida como utilização indevida, estando sujeito às providências extrajudiciais e judiciais cabíveis.
Imagens – Caso qualquer usuário obtenha imagens ou vídeos reproduzidos pelo site do Teatro Unimed, tais imagens/vídeos poderão apenas fazer parte de seu acervo pessoal, estando estritamente proibida a sua veiculação de maneira comercial, ou ainda a sua associação com outras marcas ou produtos de forma indevida.
exclusão de acesso – O Teatro Unimed se reserva a qualquer momento, sem necessidade de aviso prévio, a recusar ou retirar o acesso ao site de usuários que descumprirem a sua política de privacidade.

APOIO

REALIZAÇÃO